Ser feliz é saber aceitar o inevitável

“Não apresse o rio” – diz um pensamento hindu. Deixe a vida caminhar no seu próprio ritmo.

A vida tem suas próprias regras. Ninguém muda coisa alguma, se não tiver a paciência necessária para esperar o tempo certo para cada coisa. É preciso aceitar os fatos, até que seja o momento de mudá-los.

Para viver em paz durante o tempo em que a vida age processando as mudanças é preciso saber viver as coisas como elas são, enquanto elas assim forem. Em outras palavras, é preciso saber aceitar o inevitável, enquanto ele for uma realidade em sua vida…

Ser feliz é algo que vem de você aceitar que tudo o que está na sua vida hoje tem uma razão para estar ali. E vai passar, no seu devido tempo.

Daniel é um rapaz bastante interessado nos aprendizados sobre a vida. Mas naquele dia estava intrigado. Não conseguia entender como seu mestre, Jonas PahNu, vivia tão tranquilo e sereno, apesar de todas as atribulações que havia em sua vida. Não podendo se conter mais, perguntou a Jonas:

− Mestre, qual é o segredo que você guarda, que o faz estar sempre em paz?

Jonas, sem dizer uma só palavra, fez um sinal a Daniel para que o seguisse e se dirigiu para a sala de meditação. Lá chegando, apontou para uma pequena placa que estava pendurada na parede atrás de sua poltrona e disse:

− Eis o segredo de minha tranquilidade e de minha felicidade. Recebi essa placa de meu Mestre, há muito tempo. Leio essa mensagem todas as manhãs ao levantar-me e todas as noites ao deitar-me, para nunca esquecer dessas palavras.

Daniel se aproximou da pequena placa e, então, leu:

“Nesta vida, nada é por acaso. Tudo tem uma razão de ser. E mais: nesta vida tudo passa. Quando cessa a necessidade de um acontecimento em nossa vida, quando aprendemos a lição que há para nós nesse acontecimento, então ele se vai. Ele passa e dá lugar a novos acontecimentos, com novas lições de vida. A vida é um renovar constante, é uma lição contínua. Na vida tudo passa!”

Daniel sorriu, compreendendo o que Jonas lhe ensinava.

Juntos, saíram para o jardim, prontos para viver mais um dia feliz.

Assim é a vida: tudo tem uma razão de ser e uma duração limitada. As coisas boas passarão, as coisas ruins também passarão. Por isso a felicidade vem do bom senso de aceitar o inevitável, com a paciência necessária para esperar que tudo passe.

Não se trata de cruzar os braços e esperar que a solução das suas angústias caia do céu. Trata-se de adotar uma postura de não lutar contra o que não lhe é possível mudar. E concentrar seus esforços naquilo que você pode realizar.

A partir do momento que paramos de gastar energia lutando contra o inevitável – e damos à vida o tempo necessário para resolver os problemas –, passamos a criar as condições para transformar a nossa vida em algo melhor. Passamos também a ver com mais clareza onde usar essa energia economizada, por não nos lamentarmos tanto. Tudo começa a ter uma perspectiva melhor e isso favorece a felicidade.

Seja mais feliz, aprendendo as lições de cada acontecimento, esperando com confiança e fé e tendo a tranquilidade de saber que “Tudo passa após cumprido o seu propósito em sua vida”.

Pense sobre isso!


Clique aqui e conheça o livro “Histórias Para Ler e Contar”.
E tenha muito mais inspiração para o seu dia a dia.


Um forte abraço,

Gilberto Cabeggi 
Escritor e Assessor de Escritores e de Palestrantes

Ajudando você a fazer uma diferença positiva no mundo.
https://gilbertocabeggi.com.br 

 

 



 

 

Uma ideia sobre “Ser feliz é saber aceitar o inevitável

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *